Municipalidade

Uma municipalidade[1][2][3](em inglês: "township") é uma subdivisão administrativa equivalente ao município, uma entidade administrativa composta por um território claramente delimitado e, geralmente, com a presença de uma cidade, vila ou aldeia.

Esse tipo de divisão administrativa é usada em alguns estados dos Estados Unidos.[4] Na Nova Inglaterra, realizam as funções governamentais que na maioria dos outros estados americanos seriam responsabilidade de condados - que existem nos estados da Nova Inglaterra, mas não passam de divisões geográficas. No Estado de Nova Iorque, uma municipalidade é uma subdivisão administrativa de um condado. Em países anglófonos a noção de municipalidade inclui townships mas não se restringe a elas.

Em muitos países, uma municipalidade é a menor subdivisão administrativa, para ter a sua própria liderança representativa eleita democraticamente. Municipalidades também podem ser referidas como "comunas" (por exemplo, Francês commune, Italiano comune, Romeno comună, Sueco kommun e Norueguês/Dinamarquês kommune). O termo deriva da medieval commune. Em alguns países, especialmente no Oriente Médio, o termo "municipalidade" é também usado para se referir ao prédio administrativo municipal conhecido em outros lugares como prefeitura ou Câmara Municipal.

Baixo nível da divisão territorial

  • Na África do Sul, as 9 Províncias encontram-se divididas se em municípios metropolitanos e em distritos municipais da África do Sul. Por sua vez, os distritos municipais subdividem-se em municípios locais.
  • Na Albânia, uma municipalidade ou é parte de uma cidade (bashki) ou uma província (komunë).
  • Na Alemanha, uma municipalidade (Gemeinde) é parte de um distrito (Kreis). As maiores entidades do mesmo nível são chamadas Vilas (Stadt). Em regiões menos povoadas, municipalidades são muitas vezes juntas em municipalidades coletivas (Verbandsgemeinde)
  • Na Argélia, uma municipalidade (baladiyah) é parte de um daïra, que é parte de uma wilaya; Existem 1, 541 municipalidades na Argélia.
  • Na Argentina, uma municipalidade (municipalidad) é uma cidade, vila ou distrito, que é parte de uma província. As províncias organizam os municípios em seus territórios de acordo com o seu próprio regime municipal.
  • Na Austrália, municípios são subdivisões de um estado ou território. (Ver Áreas de Governo Local na Austrália).
  • Na Áustria, uma municipalidade (Gemeinde) é parte de um distrito (Bezirk), que por sua vez é parte de um estado (Bundesland).
  • Em Bangladesh, uma municipalidade (Paurashava) é parte de uma upazila ou subdistrito, que por sua vez é parte de um distrito.
  • Na Bélgica, uma municipalidade (gemeente/commune) ou é parte de uma província (provincie/province) ou da região da capital
  • Na Bolívia, uma municipalidade (municipio) é parte de uma província, que faz parte de um departamento.
  • Na Bósnia e Herzegovina, uma municipalidade (općina ou opština) é parte de um cantão (kanton)
  • No Brasil, os estados são divididos diretamente em municipalidades (municípios), e os últimos são as menores divisões político-administrativas; não há nenhuma equivalente a um nível condado. Uma cidade (cidade) é definido na lei brasileira como a sede urbana de uma municipalidade, e uma municipalidade tem sempre o mesmo nome que a cidade correspondente. A lei brasileira não estabelece nenhuma diferença entre cidades e vilas; tudo leva a uma ocupação urbana, para ser chamado de "cidade", deve ser a sede de um município, e alguns são muito pequenos. Outros assentamentos não têm nenhuma forma de governo local e estão sob a autoridade do município em que vivem, embora em alguns casos, o governo municipal poderá constituir escritórios administrativos locais lá. O Distrito Federal brasileiro tem um estatuto especial e não está dividido em municípios, mas por outro lado, todas as terras no Brasil, mesmo as áreas mais remotas de região selvagem, é no território de um município e, portanto, tecnicamente sob a jurisdição de uma "cidade". Nenhum ponto do país está em uma área não-incorporada, e é por isso que alguns municípios em áreas pouco povoadas, como a Amazônia pode ser maior do que muitos países soberanos.
  • Na Bulgária, uma municipalidade (Búlgaro: община) é a menor divisão administrativa regional e faz parte de uma província. Há 264 municipaldades agrupadas em 28 províncias, na Bulgária.
  • No Canadá, uma municipalidade (ou municipalidade local) é uma cidade, vila, aldeia, township ou (anteriormente) borough. Uma região (ou municipalidade regional) é um distrito, condado ou (anteriormente) metropolis que foi incorporada por estatuto pela Legislatura das províncias e territórios. Também é uma designação específica para determinadas municipalidades em Quebec, Nova Escócia e Ontário. Certas áreas de Ontário, Saskatchewan e Manitoba são designada como municipalidades rurais, enquanto as áreas equivalentes de Alberta são designados como distrito municipalis e algumas em Colúmbia Britânica são designadas como municipalitdades distrito.
  • No Chile, uma municipalidade (municipalidad) é uma entidade jurídica que administra um ou mais communes (comuna) que são a divisão de terceiro nível do país. A primeira divisão são as regiões que em seguida dividido em províncias (província). Estas províncias em seguida divididas em comunas que são atribuídos a uma municipalidade pela administração. Na maioria dos casos, a municipalidade e a comuna com o mesmo nome, mas a Constituição permite uma única municipalidade ser responsável por mais de uma comuna.
  • Na Colômbia, uma municipalidade (municipio) é parte de um departamento (departamento). É também subdividido em Corregimientos e Veredas.
  • Na Croácia, uma municipalidade (općina) é parte de um condado (županija)
  • Na Dinamarca, uma municipalidade (kommune) é parte de uma região. Os condados (amter) foram abandonados na Dinamarca em 1 de janeiro de 2007.
  • Nos Emirados Árabes Unidos, um município faz parte de um emirado, e são definidos pela lei específica de cada emirado.
  • Na Eslováquia, um município (obec) pertence a um distrito (okres). Há 891 municípios no país.
  • Na Eslovênia, uma municipalidade (občina) é a principal unidade administrativa local. Há 210 deles, 11 dos quais têm um especial "status urbano" com autonomia adicional.
  • Na Espanha, uma municipalidade (municipio) é a principal unidade administrativa local. É uma parte de uma província, que por sua vez está agrupada numa comunidade autónoma. Na comunidade autónoma da Galiza, as municipalidades são chamadas concellos, e na comunidade autónoma das Astúrias, uma municipalidade é chamada conceyu. Nestas duas regiões, uma municipalidade contém uma ou mais parroquias.
  • Nos Estados Unidos, as entidaes que têm um estatuto semelhante ao de município variam de estado para estado. Cidades, towns, boroughs são geralmente considerados os equivalentes aos municípios. As townships, os condados e as paróquias não são usalmente considerados como sendo municípios, embora existam algumas excepções.
  • Na Estónia, uma municipalidade (omavalitsus) é a menor divisão (vald).
  • Na Finlândia, uma municipalidade (kunta / kommun) coopera com municipalitdades próximas é uma sub-região (seutukunta / região) e região (maakunta / landskap); uma região pertence a uma província (lääni / län) do estado. Uma municipalidade pode livremente chamar-se uma "cidade" (kaupunki / stad).
  • Na França, uma municipalidade (commune) é parte de um departamento (département) que é parte de uma região (région)
  • Nas Filipinas, uma municipalidade (bayan ou munisipyo) é uma vila com uma administração popularmente eleita, incluindo um prefeito, e é parte de uma província (lalawigan) (exceto para a municipalidade independente de Pateros, Metro Manila na Região da Capital Nacional) e é composto de barangays.
  • Na Grécia, uma municipalidade ou é demos (δήμος, pl. δήμοι) ou koinoteta (κοινότητα, pl. κοινότητες) com menor população, que são parte de uma prefeitura (nomos, νομός) e, em seguida, uma região maior conhecida como periferias (περιφέρεια, pl. περιφέρειες). Municipalidades são divisões de terceiro nível administrativo e seus líderes (prefeitos em Demoi, presidentes em koinotetes) são nomeados através de votação popular realizada a cada quatro anos.
  • No Haiti, uma municipalidade (commune) é parte de um arrondissement, o qual é parte de um departamento (département).
  • Na Hungria, uma municipalidade (települési önkormányzat) é parte de um condado (megye). Havia 3168 municipalidades em 2005.
  • Na Islândia, uma municipalidade é um conselho de vila. Também pode ser uma aldeia com população de 300-18000 pessoas. (ver Municípios da Islândia)
  • Na Índia, uma municipalidade é muitas vezes referida como uma vila. Não é nem uma aldeia, nem uma grande cidade. Normalmente, uma municipalidade teria 100.000 ou mais pessoas, mas se for superior a um milhão, torna-se uma corporação.
  • Na Itália, uma comuna italiana é parte de uma província (província) que faz parte de uma região (regione). O Termo "municipalidade" é reservado para as subdivisões de maior comuni (em particular, a comuna de Roma).
  • No Japão, uma municipalidade é a esfera de governo no âmbito das prefeituras, a sub-divisão do estado.
  • Na Letónia, uma municipalidade (sing.:novads, plur.:novadi) é parte de um distrito (sing.:rajons, plur.:rajoni). A municipalidade é normalmente constituída por amalgamados paróquias (sing.:pagasts, plur.:pagasti).
  • No Líbano, uma municipalidade é parte de um distrito (em árabe: Qadaa) que é parte de um Governorate (Região ou Província, Árabe: Mouhafazah).
  • Na Líbia, o nível municipalidade é o do Congresso Básico do Povo.
  • Na Lituânia, uma municipalidade (savivaldybė) é uma parte de um distrito (apskritis) e é subdividido em elderates (seniūnija).
  • Em Luxemburgo, comunas são as divisões mais baixas.
  • No México, uma municipalidade (municipio) é uma subdivisão de um estado (estado) e uma (demarcação) é uma subdivisão da Cidade do México (ver municípios do México e demarcações da Cidade do México).
  • Cada parte do continente Nova Zelândia é parte de ou uma "cidade" (principalmente urbana) ou um "distrito" (principalmente rural), tendo cada um conselho eleito, e com muitas divisões menores "community board". Populações variam de 5000 a 400 000. No topo dessa estrutura estão as "regiões", cujos conselhos eleitos estão preocupados com grandes temas como o ar e a pureza da água e os transportes públicos regionais. A maioria das regiões abrangem 3-10 distritos e / ou cidades. O termo "municipalidade" tornou-se raro na Nova Zelândia desde aproximadamente 1979 e não tem estatuto legal.
  • Na Nicarágua, uma municipalidade (municipio) é subdivisão de um departamento (departamento) ou de uma das duas Região autônoma, Região Autónoma do Atlântico Norte e Região Autónoma do Atlântico Sul.
  • Na Noruega, uma municipalidade (kommune) é parte de um condado (fylke). Existem 431 municipalidades na Noruega (2006).
  • Nos Países Baixos, uma municipalidade (gemeente) é parte de uma província (província).
  • Na Palestina, municipalidades são localidades com populações superiores a 4000 e tem 13-15 membros do conselho. Existem 105 municipalidades no território da Autoridade Nacional Palestiniana.
  • No Paraguai, uma municipalidade (municipalidad) é parte de um departamento (departamento).
  • No Peru, uma municipalidade (municipio) é outro termo para distrito (distrito) e é o nível mais baixo de subdivisão administrativa. É parte de uma província (província), que é parte de um departamento (departamento). A partir de 2002 um departamento é agora chamado de região (región).
  • Na Polônia, uma municipalidade (gmina) é uma parte de um condado (powiat).
  • Em Porto Rico, uma municipalidade (municipio) é uma vila ou cidade com uma administração eleita pelo voto popular, incluindo um prefeito.
  • No Quénia, uma municipalidade é um dos quatro tipos de autoridades locais. Cerca de 50 grandes cidades recebem o estatuto de município.
  • Na República Checa, uma municipalidade (obec) é parte de um kraj (kraj)
  • Na República Dominicana uma municipalidade (municipio) é uma subdivisão de uma província (ver Municípios da República Dominicana).
  • Em Roménia, uma municipalidade (municipiu) é um oraș (uma vila ou cidade) classificado por lei a este nível. Uma comuna é a menor subdivisão de um judeţ.
  • Na Rússia, existem vários tipos de municipalidades ("formações municipais "); ver Subdivisões da Rússia.
  • Em San Marino, há oito municípios (castelli).
  • Na Sérvia, um município (opština) faz parte de um distrito (okrug)
  • Na Suécia um município (kommun) faz parte de um condado (län). Existem 290 municípios agrupados em 21 condados. (Ver Municípios da Suécia).
  • Na Suíça, um município (commune, gemeinde ou comune) pertencem a um cantão (canton/Kanton ou cantone) e são definidos por leis cantonais.
  • No Reino Unido, o termo município é raramente utilizado, sendo que o nível municipal existente nos outros países, partilha caraterísticas (membora não totalmente idêntico) com as paróquias civis, as vilas (towns), as cidades (cities), os borough, os distritos ou as autoridades unitárias, dependendo da sua localização no país. O termo municipal é usado para referir coisas relacioandas com a administração de uma vila ou cidade.
  • Na Venezuela, uma municipalidade (municipio) é parte de um estado, bem como uma subdivisão do Distrito Capital (estado).

Entidades do primeiro nível e outras formas de municipalidades

  • Na República Popular da China, a direta-municipalidade controlada (直辖市 em pinyin: zhíxiáshì) é uma cidade com igual status de uma província: Pequim, Tianjin, Shanghai, e Chongqing (ver Municipalidades da China)
  • Na República da China em Taiwan, uma municipalidade (直轄市 em Wade-Giles: chi-hsia-shih) é uma cidade com status igual a uma província: Taipei e Kaohsiung. (ver Municipalidade da China)
  • Em Jersey, uma municipalidade refere-se aos funcionários honorários eleitos para executar cada uma das 12 Paróquias em que se subdivide. Este é o mais alto nível do governo regional nesta jurisdição.
  • Na Macedônia, 84 municipalidades (opštini; singular: opština) foram estabelecidos em 2004, reduziu de 123 criado em 1996.
  • Em Portugal, um município ou concelho é a segunda Unidade administrativa local. Uma municipalidade contém uma ou mais freguesias.
  • Em Porto Rico, não há divisões de primeira ordem administrativa, e os municípios (município) servem de segunda-ordem, mas primeiro nível de divisões administrativas.
  • In Montenegro, uma municipalidade (opština) é a divisão regional de nível superior.

Municipalidade como entidades de segundo nível

  • Na África do Sul, municipalidades são divisões de uma província, sendo organizadas pelo tamanho. Em ordem decrescente: metrópole, distrito, local.
  • Na Alemanha, uma municipalidade (Gemeinde) é parte de um distrito (Kreis ou Landkreis). Entidades grandes de mesmo nível são chamadas de cidade (Stadt).
  • Na Austrália, uma municipalidade é uma cidade ou condado, sendo uma subdivisão do estado.
  • Na Áustria, uma municipalidade (Gemeinde) é uma parte do distrito (Bezirk), que é por sua vez parte do estado (Bundesland).
  • Na Bélgica, uma municipalidade é parte de uma província
  • Na Bolívia, uma municipalidade é parte de uma província
  • Na Bósnia e Herzegovina, uma municipalidade (općina or opština) é:
    • parte de uma cantão (kanton)
    • uma subdivisão (agrupado em regiões)
  • No Canadá, uma municipalidade é uma cidade, condado ou municipalidade regional que está incorporada pela legislação das províncias e territórios do Canadá.
  • No Chile, uma municipalidade (comuna) é parte de uma província (província) que é parte de uma região (región)
  • Na Croácia, uma municipalidade (općina) é parte de um condado (županija)
  • Na Dinamarca, uma municipalidade (kommune) é uma parte de um condado (amt)
  • Na Finlândia, uma municipalidade (kunta/kommun) é uma parte de uma província (lääni/län)
  • Na França, uma municipalidade (commune) é parte de um departamento (département), que é parte de uma região (région).
  • Nas Filipinas, uma municipalidade (bayan) é uma parte dais parte de uma província (lalawigan) e é composta de barangays.
  • Na Grécia, uma municipalidade são tanto urbanas (demoi) quanto rurais (koinotetes), que fazem parte de uma prefeitura (nomos) de uma região maior conhecida como periferias.
  • Na Itália, uma municipalidade (comune) é parte de uma província (província) que é parte de uma região (regione).
  • No Japão, há 47 províncias, também chamadas de "prefeituras" no entanto estas não têm nada a ver com a noção de município. Em 1943, o governo municipal de Tóquio foi transformado num governo provincial, com a anexação de cidades do seu entorno e a criação da Província de Tóquio. A partir daí, os 23 distritos urbanos da então cidade de Tóquio foram na prática transformados em cidades, com administrações próprias, que corresponderiam à ideia luso-brasileira de município. A Província de Tóquio, hoje, está dividida em 23 "bairros" e 39 cidades e vilas com status de municipalidade.
    Ver artigo principal: Subdivisões do Japão
  • No México, uma municipalidade (município) é uma subdivisão de um estado (estado).
  • Nos Países Baixos, uma municipalidade (gemeente) é uma parte da província (provincie).
  • Qualquer parte da Nova Zelândia é tanto chamado de "cidade" (city) (geralmente urbano) ou um distrito (district) (geralmente rural). O termo "municipalidade" é raro na Nova Zelândia desde aproximadamente 1979 e não possui nenhum estatuto legal.
  • Na Noruega, uma municipalidade (kommune) é parte de um condado (fylke)
  • Na Polônia, uma municipalidade (commune) (gmina) é parte de um condado (powiat).
  • Em Porto Rico, uma municipalidade (município) é uma cidade. Cada municipalidade possui um prefeito eleito.
  • Na Romênia, uma municipalidade (municipiu) é parte de um condado (judeţ).
  • Na Sérvia, uma municipalidade (opština) é parte de um condado (okrug)
  • Na Suécia, uma municipalidade (kommun) é parte de um condado (län).
  • Na Suíça, uma municipalidade (commune/Gemeinde/comune) é parte de um cantão (canton/Kanton/cantone) e definida pela lei cantonal.
  • Nos Estados Unidos, as entidades que possuem o estatuto de municipalidade variam de estado para estado. Cidades, towns, vila ou vilarejo são termos comum para municipalidade. Distrito municipal (Townships), condados, e paróquias não são geralmente considerados municipalidades, entretanto há exceções. Em alguns estados, cidades não possuem o status de municipalidade similar aos do distrito municipal.

Municipalidade como entidades de primeiro nível

Referências

  1. José Júlio Senna (1995), Os parceiros do rei: herança cultural e desenvolvimento econômico no Brasil, Topbooks, pp. 86-87, towsnship
  2. Antônio Carneiro Leão (1945), Introdução à administração escolar, Biblioteca pedagógica brasileira, 33 2ª ed. , Companhia editora nacional, p. 65, A divisão local não é a mesma em todos os Estados Unidos. A municipalidade é, por exemplo, a divisão de maior valor no Oeste e no Sul e a de menor Vulto em Nova York
  3. Paulino José Soares de Souza Uruguai (Visconde do) 2002, p. 484 township
  4. Paulino José Soares de Souza Uruguai (Visconde do) 2002, p. 489

Bibliografia

Amt (divisão administrativa)

Um Amt é uma subdivisão administrativa usada em alguns países da Europa do Norte. Ele é geralmente maior que uma municipalidade (município, comuna, etc.) e o termo é algo equivalente a "condado".

Canton (Michigan)

Canton é uma municipalidade localizada no estado americano do Michigan, no Condado de Wayne.

Halifax (Nova Escócia)

Halifax, oficialmente conhecida como Município Regional de Halifax, é a capital da província canadense da Nova Escócia. O município tinha uma população de 403 mil habitantes em 2016, com 316 mil na área urbana centrada no porto de Halifax. O município regional atual é composto por quatro municípios anteriores que foram fundidos em 1996: Halifax, Dartmouth, Bedford e o município de Halifax County.

A cidade de Halifax é um importante centro econômico no Canadá Atlântico com uma grande concentração de serviços governamentais e empresas do setor privado. Os principais empregadores e geradores econômicos incluem o Departamento de Defesa Nacional, a Universidade Dalhousie, a Universidade de Santa Maria, o Estaleiro de Halifax, vários níveis de governo e o Porto de Halifax. A agricultura, pesca, mineração, silvicultura e extração de gás natural são as principais indústrias de recursos encontrados nas áreas rurais do município. Halifax foi classificada pela revista MoneySense como a quarta melhor cidade para se viver no Canadá em 2012, foi a primeira colocada em uma lista de "cidades grandes por qualidade de vida" e a segunda colocada em uma lista de "grandes cidades do futuro" e coloca-se consistentemente no top 10 das cidades com maior simplicidade na abertura de negócios, todas as pesquisas foram conduzidas pela revista fDi, levando em consideração as cidades em todo o continente americano.

Kaohsiung

Kaohsiung (chinês: 高雄市; nomes antigos: Takao, Takow, Takau) é uma municipalidade especial de Taiwan. Localizada no sudeste do país e de frente para o Estreito de Taiwan, é a maior municipalidade por área (2.947,62 quilômetros quadrados) e a segunda cidade mais populosa, com uma população de aproximadamente 2 770 000. Desde a sua fundação no século XVII, Kaohsiung cresceu de uma pequena vila para um centro comercial, político, econômico, logístico e industrial do sul de Taiwan. É considerada uma cidade global pela pesquisa Globalization and World Cities Research Network de 2012.O Aeroporto Internacional de Kaohsiung que serve a cidade é o terceiro maior aeroporto em Taiwan. O porto de Kaohsiung é o maior porto de Taiwan, mas não é oficialmente parte da cidade. Kaohsiung também foi a cidade anfitriã dos Jogos Mundiais de 2009, um evento multi-esportivo principalmente composto por esportes não caracterizados nos Jogos Olímpicos, além de ser a sede da Marinha de Taiwan.

Mississauga

Mississauga /ˌmɪsɪˈsɒɡə/ é uma cidade da província canadense de Ontário e subúrbio de Toronto. Está situada às margens do Lago Ontário na Municipalidade Regional de Peel, vizinha à Toronto. Com uma população de 721 599 habitantes de acordo com o censo de 2016, Mississauga é a sexta mais populosa municipalidade do Canadá, a terceira maior de Ontário e a segunda maior da Região Metropolitana de Toronto.O crescimento de Mississauga é atribuído pela sua proximidade com Toronto. Durante a última metade do século XX, a cidade atraiu uma população multicultural e se consolidou como um próspero centro financeiro. Em Mississauga está localizado o Aeroporto Internacional Pearson de Toronto, o aeroporto mais movimentado do País, bem como as sedes de diversas corporações canadenses e multinacionais. Os residentes da cidade são frequentemente referido como Mississaugans.

Municipalidade Regional de Durham

A Municipalidade Regional de Durham (população: aproximadamente 525 mil habitantes) é uma região administrativa da província canadense de Ontário, localizado a leste de Toronto. Possui uma área de aproximadamente 2,5 mil quilômetros quadrados, e inclui as cidades secundárias (towns) de Pickering, Ajax, Oshawa, Whitby e Clarington, bem como as municipalidades de Uxbridge, Scugog e Brock. Durham faz parte da região metropolitana de Toronto. A capital de Durham é Whitby. A Municipalidade Regional de Durham foi estabelecido em 1974.

Municipalidade Regional de Halton

A Municipalidade Regional de Halton é uma região administrativa da província canadense de Ontário, e faz parte da região metropolitana de Toronto. Halton é formada pelas cidades de Burlington, Milton, Oakville e Halton Hills. A capital da municipalidade regional é Milton. A Municipalidade Regional de Halton possui uma área de 939 km² e uma população de 375 229 habitantes.

Municipalidade Regional de Niagara

A Municipalidade Regional de Niagara é uma região administrativa da província canadense de Ontário. Localiza-se entre os lagos Ontário e Erie, bem como está à beira do Rio Niágara. Fazem parte desta municipalidade regional as cidades de Niagara Falls, Port Colborne, St. Catharines, Thorold, Welland, Fort Erie, Grimsby, Lincoln, Niagara-on-the-Lake e Pelham. Sua capital é Thorold.

A Municipalidade Regional de Niagara possui uma área de 1 852 quilômetros quadrados, uma população de 410 570 habitantes e uma densidade demográfica de 220,4 hab/km². A Municipalidade Regional é famosa por abrigar as Cataratas do Niágara.

Municipalidade Regional de Peel

A Municipalidade Regional de Peel é uma subdivisão administrativa da província canadense de Ontário. Incorpora as cidades de Mississauga, Brampton e Caledon. Sua área é de 1 241,99 km², sua população é de 988 948 habitantes, e sua densidade populacional é de 796,3 hab/km². Devido ao seu rápido crescimento populacional, estima-se que a população da Municipalidade Regional de Peel em 2030 será de 1,6 milhão de habitantes.

Municipalidade Regional de Waterloo

A Municipalidade Regional de Waterloo é uma região administrativa da província canadense de Ontário. Suas maiores cidades são Kitchener, Waterloo e Cambridge. Sua área é de 1 382 quilômetros quadrados, e sua população é de 438 515 habitantes.

Municipalidade Regional de York

A Municipalidade Regional de York é uma subdivisão administrativa da província canadense de Ontário. Localiza-se ao norte da cidade de Toronto. Incorpora a cidade primária de Vaughan, as cidades secundárias de Aurora, East Gwillimbury, Georgina, Markham, Newmarket, Richmond Hill, e a Municipalidade de King. Possui uma área de 1 761,64 km², uma população de 729 254 habitantes e uma densidade populacional de 414,0/km².

Municipiu

== ==

O municipiu (do latim municipium; plural: municipii, nome dado cidades romanas que tinham direito à autonomia em assuntos internos) é um dos níveis administrativos da Romênia. Não há uma clara definição do estatuto de municipiu, embora esse estatuto seja atribuído às cidades maiores, bem dotadas em termos de infraestrutura urbana e com um papel econômico, social, político e cultural significativo, com uma população de, pelo menos, 40.000 habitantes. Localidades que não apresentam essas características são classificadas simplesmente como cidades (orașe; no singular, oraș ) ou comunas (comune), se não fazem parte de áreas urbanas.

A administração do município é chamada municipalitate (municipalidade), sendo presidida por um prefeito (primar).

Não existem divisões oficiais, mas, extraoficialmente, os municipii podem ser divididos em bairros (cartier, em romeno). Uma exceção a essa regra é Bucareste, que tem um estatuto similar ao de distrito (județ) e é oficialmente subdividida em seis sectoare (setores administrativos).

Município

Um município ou concelho é geralmente uma divisão administrativa com estatuto corporativo e que, geralmente, possui governo e (ou) jurisdição próprios. O termo município também é usado para significar a instituição dirigente de um município, como uma prefeitura.Um município é uma subdivisão administrativa de uso geral, ao contrário de um distrito, que tem fins especiais. O termo é derivado do francês municipalité e do latim municipium, antiga designação romana. É um território dotado de personalidade jurídica e de certa autonomia, constituído por órgãos administrativos e políticos. Quando o território é designado pelo termo municipalidade, muitas vezes se implica que ele não tem, de fato, personalidade jurídica. Por "município", entende-se o espaço territorial político, por vezes com zona rural e urbanizada, dentro de um Estado e administrado por uma prefeitura.

Em Portugal existe uma diferença entre os conceitos de “concelho” e “município”. Concelho é uma “divisão territorial, administrada por um município”, enquanto que município é uma “autarquia local, constituída por diferentes órgãos”.Também em Cabo Verde, as entidades oficiais distinguem os conceitos de concelho (“As Divisões Administrativas (...) em Cabo Verde são os Concelhos, correspondendo cada um dos territórios a uma divisão autárquica básica, o Município(...).”) e de município (“Municípios: Pessoas coletivas públicas territoriais dotadas de órgãos representativos das respetivas populações, que prosseguem os interesses próprios destas.”), embora seja frequente, entre leigos, a confusão entre “concelho” e “município”.

No Brasil, a antiga designação de "concelho" foi abandonada e adotou-se a designação de "município" para ambos os conceitos. Atualmente o país tem 5 570 municípios (ver Municípios do Brasil).

Murzuque (distrito)

Murzuque, Marzuque e Marzugue (em árabe: مرزق‎; transl.: Murzuq/Murzuk) é um distrito da Líbia. Foi criado em 1983 e segundo o censo de 1987, havia 42 294 residentes. Em 1995, havia 45 200 residentes e tinha área de 350 000 quilômetros quadrados. Em 2001, durante nova reforma, contabilizou-se 52 368 residentes. Após a reforma de 2002, possui uma zona costeira no mar Mediterrâneo e faz divisa no interior com a região de Borcu-Enedi-Tibesti no Chade ao sul e a região de Agadez no Níger no sudoeste, e os distritos de Gate a oeste, Uádi Alhaiate e Seba de noroeste, Jufra ao norte e Cufra a leste.

Segundo censo de 2012, a população era de 81 791 pessoas, das quais 78 564 eram líbios e 3 227 não-líbios. O tamanho médio das famílias líbias era 5.77, enquanto o tamanho médio das não-líbios era de 4.17. Há no total 14 860 famílias no distrito, com 14 029 sendo líbias e 831 não-líbias. Em 2012, cerca de 357 indivíduos morreram no distrito, dos quais 257 eram homens e 100 eram mulheres.

== Referências ==

Podgorica

Podgoriza, Podgoritza ou Podgorica, (pronunciada em montenegrino: [pǒdɡorit͡sa]) é a capital de Montenegro, país do sudeste europeu, nos Bálcãs. É também capital do municipalidade de Podgoriza.

Anteriormente conhecida pelos nomes de Titogrado e Ribnica/Ribnitza, Podgoriza está localizada a 44 metros acima do nível do mar. Segundo o censo de 2011, a população de Podgoriza é de 156 169 habitantes. A municipalidade de Podgoriza abarca 10,5% de todo o território do país, e 30% de toda a população de Montenegro reside na cidade. Podgoriza é ainda o centro administrativo e político de Montenegro, bem como seu centro econômico, cultural, e educacional.

A cidade está situada a poucos quilômetros de centros de esqui (ao norte) e de balneários no mar Adriático (ao sul). A cerca de três quilómetros a noroeste de Podgoriza localizam-se as ruínas de Dóclea (também conhecida como Duklja), uma vila conhecida desde os tempos pré-romanos. O imperador romano Diocleciano veio dessa região, na então província da Dalmácia.

Sirte (distrito)

Sirte (em árabe: سرت) é um distrito da Líbia. Foi criado em 1983, na reforma administrativa daquele ano. Pelo censo de 1987, havia 110 996 residentes. Segundo censo de 1995, no qual é chamado "Golfo de Sirte", havia 382 100 residentes. Segundo esse documento, sua área era de 376 000 quilômetros quadrados. Em 2001 havia 156 248 residentes. Após a reforma de 2002, possui uma zona costeira no mar Mediterrâneo e faz divisa no interior com Oásis a leste, Jufra a sul, Jabal Algarbi a oeste e Misurata a noroeste.

Pelo censo de 2012, sua população total era de 117 473 pessoas, das quais 114 626 eram líbios e 2 847 não-líbios. O tamanho médio das famílias líbias era 6.18, enquanto o tamanho médio das não-líbias era de 3.88. Há no total 20 970 famílias no distrito, com 20 204 sendo líbias e 766 não-líbias. Em 2012, cerca de 629 indivíduos morreram no distrito, dos quais 525 eram homens e 104 eram mulheres.

Trípoli

Trípoli (em árabe: طرابلس; transl.: Ṭarābulus ou طرابلس الغرب, Ṭarā-bu-lus al-Gharb, Trípoli do Ocidente, para a diferenciar da sua homónima libanesa; em árabe líbio: Ṭrābləs; em berbere: Ṭrables; antigamente: Oea) é a capital, maior e mais populosa cidade da Líbia, sendo a sede do governo central e administração. Etimologicamente, o nome Trípoli vem do grego antigo Τρίπολις (Trípolis) que significa "três cidades".

Tem uma população de quase 1 milhão de habitantes e está situada a noroeste da Líbia, na costa mediterrânica. Foi fundada no século VII a.C. pelos fenícios, que a chamaram de Oea. Mais tarde, com a chegada dos romanos, a cidade adquiriu o estatuto de cidade romana mais importante da África. Pela cidade, foram passando cronológica e historicamente vândalos, bizantinos, árabes, espanhóis, turcos, berberes e italianos. Os italianos permaneceram em Trípoli de 1911 até 1951, quando finalmente a Líbia conquistou sua independência.

A cidade é o principal porto marítimo, centro comercial e fabril do país. Nela se encontra a preciosa Universidade de Al-Fateh. Devido à sua longa história, há uma multidão de enclaves arqueológicos muito notáveis em Trípoli. É uma das cidades mais modernas, ricas e com um maior nível de vida da África.

Verwaltungsgemeinschaft

Um Verwaltungsgemeinschaft (plural: Verwaltungsgemeinschaften; português: corporações ou corpos administrativos centrais) são corporações de direito público existentes nos estados de Baden-Württemberg, Baviera, Turíngia, Saxônia e Saxônia-Anhalt, na Alemanha.

Um Verwaltungsgemeinschaft consiste de diversos municípios de um mesmo distrito, chamados de municípios membros. Ele possui sua própria sede política e um presidente ou chefe, que pode ter, dependendo do estado, o título de prefeito (Bürgermeister).

Através do estabelecimento de um Verwaltungsgemeinschaft, municípios independentes de um mesmo distrito podem formar um nova corporação de direito público, que assume determinadas funções dos municípios membros. Os municípios membros permanecem independentes. O nome do Verwaltungsgemeinschaft geralmente refere-se a paisagem natural de sua localização.

Entre as atribuições de um Verwaltungsgemeinschaft estão a canalização de esgoto, assuntos financeiros, administração de cemitérios e corpos de bombeiros. Um Verwaltungsgemeinschaft pode cuidar ainda do funcionamento das escolas primárias, da manutenção de estradas que conectam os municípios membros e de outras atribuições dos municípios membros que possam ser transferidas, como por exemplo os assuntos relacionados ao turismo.

Outros estados da Alemanha possuem mecanismos semelhantes, porém, com diferentes designações e atribuições.

Waterford (Michigan)

Waterford é uma municipalidade localizada no estado americano de Michigan, no Condado de Oakland.

Noutras línguas

This page is based on a Wikipedia article written by authors (here).
Text is available under the CC BY-SA 3.0 license; additional terms may apply.
Images, videos and audio are available under their respective licenses.