Cíclades

As Cíclades[1][2] ou Cícladas[1] (ou ainda: Kikládes, Cyclades, Kykladon, Kyklades; em grego: Κυκλάδης; em greco antigo: Κυκλάδες, que significa "circular") é um grupo de ilhas no norte do mar Egeu. O seu nome indica as ilhas que formam um círculo à volta da ilha sagrada de Delos.

Até à reforma administrativa de 2014, estas ilhas formavam a cidade entretanto extinta das Cíclades, pertencente a região do Egeu Meridional, com sua capital na cidade de Hermópolis, que atualmente é a capital da unidade regional de Siro.

É um conjunto de mais de 200 ilhas, das quais menores são Amorgos, Anafi, Andros, Antiparos, Ceos, Delos, Donussa, Folegandros, Ios, Hiracleia, Címolos, Cufonísia, Cítno, Milos, Míconos, Naxos, Paros, Santorini, Esquenussa, Sérifo, Sifnos, Sícinos, Siro, Terásia e Tinos.

Grécia Cíclades

Κυκλάδης

Kikládes, Kykladon

 
Localização das Cíclades na Grécia
Localização das Cíclades na Grécia
Coordenadas 37° N 25° 10' E
Região Egeu Meridional
Capital Hermópolis
Área
- Total 2 572 km²
População (2001)
 - Total 112 615
    • Densidade 43,8 hab./km²
 - Estimativa (2005) 119 549
- Fuso horário EET (UTC+2)
- Horário de verão EEST (UTC+3)
Cyclades map names de
Principais ilhas das Cíclades.

Referências

  1. a b Rocha, Carlos (15 de maio de 2012). «Cíclades/Cícladas, Espórades, Dodecaneso e Ilhas Jónias/Jónicas». Ciberdúvidas da Língua Portuguesa. Consultado em 17 de maio de 2012
  2. Fernandes, Ivo Xavier (1941). Topónimos e Gentílicos. I. Porto: Editora Educação Nacional, Lda.
Andros (Grécia)

Andros (em grego: Άνδρος) é uma ilha da Grécia, ao norte do arquipélago das Cíclades (Kiklades), localizado uns 10 km a sudeste de Eubeia, e a 10 km a norte de Tinos.

Sua área é de 374 km², tem cerca de 40 km de comprimento e uma largura máxima de 16 km. É montanhosa e com vales férteis. A população é de 10 009 habitantes (2001). A capital é a cidade homónima de Andros.

Entre outubro e novembro de 1827 houve desembarque de um pequeno destacamento de marines para caçar piratas na ilha.

Ceos

Ceos (em grego: Κέα), também conhecida como Gia ou Tzia (em grego: Τζια), Zea e, na Antiguidade, Ceos (em grego: Κέως, em latim: Ceos), é uma ilha do arquipélago das Cíclades, no Mar Egeu, in Grécia. Ceos faz parte da unidade periférica de Ceos-Cítno. A sua capital, Iúlis, é interior e a elevada altitude (assim como a maioria das antigas colónias das Cíclades, por medo de piratas) e é considerada muito pitoresca. Outras grandes povoações de Ceos são Corissia (um porto) e Vourkari (uma vila piscatória). Depois de sofrer um despovoamento de muitas décadas, Ceos foi recentemente descoberta por Atenas como um destino conveniente para fins de semana e viagens de Iate. A população em 2001 era de 2,417.

Civilização cicládica

Civilização cicládica (também conhecida como cultura cicládica) é uma cultura da Idade do Bronze do mar Egeu que abrange nominalmente de aproximadamente 3000 - 2 000 a.C., embora tenha subexistido até 1 100 a.C. Foi proposta pelo arqueólogo Christos Tsountas no final do século XIX, após as diversas descobertas nas ilhas Cíclades. Durante parte de sua história influenciou a florescente Civilização Minoica como evidenciado pelas fontes arqueológicas (estatuetas importadas das Cíclades e imitações autóctones), assim como o continente: no cemitério de Agio Cosmas, na Ática, foram encontrados túmulos contendo objetos cicládicos o que pode indicar uma colônia cicládica ou uma irradiação de sua influência. Em 2 000 a.C., as ilhas Cíclades caíram sob a égide da Civilização Minoica; a partir de 1 400 a.C. os micênicos controlaram a região.Desenvolveu-se graças aos benefícios trazidos pela localização das ilhas Cíclades, pois além de serem próximas ao continente, haviam se tornado um importante cais natural. Aparentemente foi uma grande importadora e exportadora de bens, como evidenciado pelo grande número de vasos do continente e de Creta encontrados nas ilhas durante as escavações. Além disso, a maior parte dos assentamentos do período eram localizados no leste do mar mediterrâneo. Outro fator que impulsionou o desenvolvimento da civilização cicládica foi a pequena disponibilidade de terras férteis: com abundância em recursos minerais (ferro, cobre, chumbo, prata, ouro, mármore, obsidiana e esmeril) e o crescente desenvolvimento da metalurgia no mediterrâneo durante o período, os ilhéus das Cíclades lançaram-se avidamente no comércio do Egeu (Anatólia, Continente grego, Creta e ilhas), fazendo das Cíclades uma rota comercial de grande prestígio.

Civilização egeia

Civilização egeia é um termo geral aplicado para as civilizações da idade do bronze da Grécia ao redor do mar Egeu. Há de fatos quatro civilizações distintas, que se comunicaram e interagiram-se a partir de suas regiões geográficas: Creta, Cíclades, Grécia continental e Costa anatólica. Creta é associada com a Civilização Minoica pré idade do bronze. As Cíclades convergem com o continente grego durante o início do Civilização Heládica e com Creta no período Minoico Médio. A partir de 1450 aC (Heládico Superior, Minoano Superior), a Civilização micênica (heládico superior) se espalha para Creta.

Delos

A pequena ilha de Delos (grego: Δήλος, Dilos), situa-se aproximadamente no centro do grupo de ilhas do Mar Egeu conhecido como Cíclades, tendo servido como santuário de Apolo na Antiguidade Clássica, e sendo considerada mesmo o berço desse deus, bem como de Ártemis.

Foi também a sede da Liga de Delos, que congregava os aliados de Atenas contra Esparta, e onde primeiramente esteve guardado o tesouro da Liga.

Foi declarada património mundial da Humanidade pela Unesco em 1990.Entre 900 a.C. e 100 d.C., a ilha de Delos foi o mais importante santuário pan-helénico. Durante o século VII a.C., Delos era um centro jônico conhecido por ser um lugar sagrado. A história de Delos está intimamente relacionada a Apolo, o deus do sol. A ilha é pequena, rochosa, desértica e banhada de luz do amanhecer ao anoitecer, pois nenhuma montanha ou vegetação produz sombras.

Dodecaneso

O Dodecaneso (em grego: Δωδεκάνησα; em grego clássico: Δωδεκάνησος, que significa "doze ilhas") é um grupo de ilhas gregas na extremidade leste do mar Egeu, junto à costa sudoeste da Turquia.

O nome "Dodecaneso" originalmente corresponde às Cíclades, mas foi transferido às presentes ilhas durante o período otomano. Na verdade, há quinze grandes ilhas no Dodecaneso: Agathonísi, Astilapeia, Halki, Calímnos, Cárpatos, Kassos, Kastelorizo, Cós, Lipsi, Leros, Nisyros, Patmos, Rodes, Symi e Tilos, além de 93 ilhotas.

Geografia da Grécia

A Grécia está situada no sudeste da Europa, no sul da península balcánica. A Grécia é circulada ao norte pela Bulgária, pelo Macedônia do Norte e pela Albânia; ao oeste pelo mar Jônico; ao sul pelo mar Mediterrâneo e a leste pelo mar Egeu e pela Turquia. O país alcança aproximadamente em latitude de 35° 00′ a 42° 00′ N e em longitude de 19° 00 a 28° 30′ E. Em consequência, possui variação climática considerável, como discutido abaixo.

O país consiste de uma grande parte continental, o Peloponeso, península conectada ao continente pelo istmo de Corinto; e ao redor 3000 ilhas, incluindo Creta, Rodes, Corfu, o Dodecaneso e as Cíclades. A Grécia possui 15000 quilômetros de litoral.

80% da Grécia é montanhosa. Assim aquele país é um dos mais montanhosos da Europa. O oeste da Grécia contém lagos e pântanos. Os montes Pindo situam-se no centro do país, com uma elevação média de 2650 m. Continuam por meio das ilhas de Cítera, Anticítera para encontrar seu fim nas ilhas de Creta e Rodes. As ilhas do mar Egeu são picos de montanhas debaixo d'água que são uma extensão geológica deles.

O centro e o oeste da Grécia contêm picos altos e escarpados separados por muitos cânions e outros carstes, incluindo o Cânion de Meteora e o Cânion de Gorge - o segundo sendo um dos maiores do mundo e o segundo mais profundo após o Grand Canyon, com um desnível vertical de mais do que 1100 metros.

O monte Olimpo é o ponto mais alto da Grécia, a 2919 m acima do nível do mar. É considerado também o quarto mais alto da Europa. O norte da Grécia apresenta as montanhas Rodope, localizadas na Macedônia Oriental e Trácia; aquela área é coberta com florestas vastas e espessas.

Planícies também são encontradas no leste da Tessália, na Macedônia central e na Trácia.

Lista de ilhas da Grécia

Esta lista de ilhas da Grécia pode não estar completa. A Grécia conta com mais de 999 ilhas e ilhéus, sendo somente 227 habitadas.

Apenas 78 ilhas possuem mais de 100 habitantes.

Mar Mirtoico

O mar Mirtoico (em grego: Mυρτώο Πέλαγος, Myrtöo Pelagos), de Mirtos ou ainda Mírtilo é um braço do mar Egeu situado entre as ilhas gregas Cíclades e o Peloponeso.

O golfo Sarónico, o golfo de Atenas, fica situado entre o canal de Corinto e o mar Mirtoico.

Milos

Milos ou Melos (em grego: Μήλος) é uma ilha vulcânica da Grécia, situada no arquipélago das Cíclades, no Mar Egeu.

A ilha é famosa por lá ter sido encontrada uma estátua de Afrodite (a "Vénus de Milo", hoje no Museu do Louvre), e também dos deuses Asclépio (hoje no Museu Britânico), de Posidão e de um antigo Apolo, hoje em Atenas. O município de Milos também inclui as ilhas desabitadas de Antimilos e Akradies. O total de área das três ilhas é 160,147 km² e a população 4771, todos em Milos.

Míconos

Míconos (em grego: Μύκονος, Mykonos) é uma ilha da Grécia. Faz parte do arquipélago das Cíclades, um grupo de ilhas do Mar Egeu. Tem uma área de 86 km² e uma altitude máxima de 364 m. É composta principalmente de rocha de granito e tem pouca água. Em 2002, possuía uma população de aproximadamente 6200 habitantes. A maior cidade da ilha é Míconos, situada na costa oeste da ilha. Faz parte da periferia do Egeu Meridional.

Naxos

Naxos (em grego: Νάξος) é uma ilha grega do mar Egeu, que pertence ao arquipélago das Cíclades. Tem 429 km² de área e cerca de 18 000 habitantes, o que faz dela a maior das Cíclades. A capital é a cidade de Naxos (2 900 hab.). Era o centro da antiga Civilização Cicládica. A mitologia grega atribuía o nascimento de Zeus ao ponto mais alto em Naxos, o monte Zas (que significa precisamente o nome da divindade). Ao longo da história pertenceu a numerosos ocupantes, entre os quais a República de Veneza e o Império Otomano.

É uma das ilhas mais populares entre os turistas que visitam a Grécia.

Paros

Paros (em grego, Πάρος, tr. Páros; em vêneto, Paro) é uma ilha grega do Mar Egeu central, uma das maiores ilhas do arquipélago das Cíclades. Estende-se a oeste da ilha de Naxos, da qual é separada por um canal, próximo da ilha de Antiparos.

Foi famosa durante toda a Antiguidade clássica pelo mármore que exportava.

Pireu

Pireu (em grego moderno: Πειραιάς, Pireás, IPA: [piɾɛˈas]; em grego antigo: Πειραιεύς, Peiraieús) é um município vizinho a Atenas e situado em sua zona urbana, no qual se localiza o porto daquela cidade, o principal da Grécia. O Pireu é capital da subprefeitura de mesmo nome, na Ática, faz parte da região metropolitana e situa-se na baía de Falero. A população em 2001 era de 175.697 habitantes.

O local já era usado como ancoradouro no século VII a.C.. O Pireu tornou-se o porto de Atenas, substituindo Falero, desde as guerras médicas, mas perdeu sua importância na época bizantina e turca até ao século XIX. Atualmente continua a ser o principal porto que faz a ligação da parte continental da Grécia às suas ilhas.

A população do demos (Δήμος Πειραιώς) é de 175.697 (dados de 2001). A nomarchia, que inclui as terras que circundam a cidade e algumas ilhas do Golfo Sarónico, tem uma população de 541.504 (2001). Constitui-se de um relevo rochoso, com três portos naturais, o maior na parte oeste, que serve como importante centro de logística para a parte leste do Mar Mediterrâneo, e dois menores, Zea e Mikrolimano, usados para fins navais. Do porto saem vários barcos para a maioria das ilhas gregas , a ilha de Creta, as ilhas Cíclades, a península do Dodecaneso, e grande parte do Mar Egeu. A parte oeste do porto é usada para descargas e ocupa grande área. A maioria desta parte fica nos subúrbios de Drapetsona e Keratsini. O Pireu é acessível pelo metro de Atenas.

Santorini

Santorini (Σαντορίνη), chamada oficialmente Tira (em grego: Θήρα) e Tera na Antiguidade, é uma ilha no sul do mar Egeu, a cerca de 200 quilômetros a sudeste da Grécia continental. É a maior ilha de um pequeno arquipélago circular que leva o mesmo nome e é o resto de uma caldeira vulcânica. O conjunto de ilhas forma o membro mais ao sul do grupo de ilhas Cíclades, com uma área de aproximadamente 73 quilômetros quadrados e uma população estimada em 2011 em 15 550 habitantes. O município de Santorini compreende as ilhas habitadas de Santorini e Terásia e as ilhas desabitadas de Nova Caméni, Velha Caméni, Aspronisi e Cristiana. O arquipélago tem uma área total de 90,623 km² e é parte da unidade periférica grega de Tira.O arquipélago de Santorini é essencialmente o que restou depois de uma gigantesca erupção vulcânica que destruiu os primeiros assentamentos humanos que existiam na antiga ilha e que criou a caldeira geológica atual. A enorme lagoa central retangular, que mede cerca de 12 por 7 km, é cercada por íngremes penhascos com até 300 metros de altura, em três dos seus lados. A ilha principal é inclinada em direção ao mar Egeu. No quarto lado, uma lagoa é separada do mar por uma outra ilha menor chamada Terásia. A lagoa está ligada ao mar em dois lugares, a noroeste e sudoeste. A profundidade de 400 metros da cratera torna possível que todos os maiores navios de cruzeiro ancorem em qualquer lugar da baía protegida, há também uma marina recém-construído em Vlichada, na costa sudoeste. O principal porto da ilha é Atínias. A capital, Fira, localiza-se no topo de um penhasco, de frente para a lagoa da caldeira. As rochas vulcânicas presentes de erupções anteriores apresentam olivina e têm uma pequena presença de hornblenda.Santorini é o centro vulcânico mais ativo no arco vulcânico do sul do mar Egeu, embora o que permaneça até hoje seja principalmente uma caldeira cheia de água. O arco vulcânico tem aproximadamente 500 km de comprimento e de 20 a 40 quilômetros de largura. A região registrou sua primeira atividade vulcânica cerca de 3-4 milhões de anos atrás, apesar de vulcanismo em Tera ter começado há aproximadamente 2 milhões de anos.

A ilha é o local de uma das maiores erupções vulcânicas já registradas na história humana: a erupção minoica (às vezes chamada de erupção de Tera), ocorreu cerca de 3600 anos atrás, no auge da civilização minoica. A erupção deixou uma grande cratera rodeada por depósitos de cinzas vulcânicas a centenas de metros de profundidade e pode ter levado, indiretamente, ao colapso da civilização minoica na ilha de Creta, 110 km ao sul, através da formação de um gigantesco tsunami. Outra teoria popular diz que a erupção de Tera é a fonte da lenda de Atlântida.

Siro

Siro (em grego: Σύρος; transl.: Síros, ou Σύρα, Síra), também Siros ou Sira, é uma ilha grega das Cíclades, no mar Egeu, a 144 km ao sudeste de Atenas. A ilha, anteriormente pertencente à antiga prefeitura das Cíclades, atualmente constitui a unidade regional de Siros, à qual pertencem as localidades de Hermópolis, Ano Syros e Posidônia. Hermópolis é a capital da ilha e também das Cíclades.

Sua população em 2001 era de 19 782 habitantes, e ocupa uma área de 102,4 km².

Sérifos

Sérifos ou Sérifo (em grego: Σέριφος) é uma ilha grega do arquipélago das Cíclades, no Mar Egeu. Administrativamente é uma municipalidade da unidade regional de Milos.

O ponto mais alto da ilha é o Monte Tourlos com 585 m. A localidade mais importante é Sérifos, e o porto principal é Livadi.

Tinos

Tinos (em grego: Τήνος, Tínos) é uma ilha grega, no mar Egeu. Faz parte do arquipélago das Cíclades. Tem 8754 habitantes (censo de 2001). A sua capital é Tinos.

Unidades regionais da Grécia

Unidades regionais (ou unidades periféricas; em grego: περιφερειακές ενότητες; transl.: perifereiakis enótites; sing.: περιφερειακή ενότητα) são as divisões administrativas de segunda ordem da Grécia, criadas através do plano Calícrates, que entrou em vigor em 1 de janeiro de 2011. São subdivisões das regiões do país, e dividem-se, por sua vez, em municípios. Atualmente, são 74 as unidades regionais que compõem o país, substituindo as extintas 51 prefeituras.

Grécia Unidades regionais e antigas prefeituras da Grécia
Unidades regionais
Antigas prefeituras extintas
§ Subprefeituras da Ática
Estado Monástico Autónomo

Noutras línguas

This page is based on a Wikipedia article written by authors (here).
Text is available under the CC BY-SA 3.0 license; additional terms may apply.
Images, videos and audio are available under their respective licenses.